Equipe

A equipe é fundamental desde a prevenção até o tratamento.

São inúmeras as especialidades envolvidas no atendimento à paciente.

Na prevenção , por exemplo os radiologistas são fundamentais na realização dos exames de imagem, assim como os patologistas na leitura do exame preventivo, onde as células do colo uterino são avaliadas por um especialista em um laboratório especifico.

No momento da cirurgia a equipe da Dra. Patrícia Patury é sempre a mesma. A equipe trabalha junto há muitos anos, em total parceria, respeito e amizade. Todos os profissionais participam regularmente dos principais congressos nacionais e internacionais, estando sempre atualizados, trazendo os melhores tratamentos para as pacientes.

O tratamento do câncer ginecológico somente é possível com a dedicação de uma equipe multiprofissional especializada. O sucesso se traduz no sorriso de uma paciente que após ter sido diagnosticada como portadora de uma complexa doença, tem condições de virar mais essa página de sua vida e voltar às suas atividades habituais.

A Dra. Patrícia Patury é uma cirurgia especializada no tratamento de tumores ginecológicos, este treinamento é obtido através do investimento em formação, pesquisa e intercâmbios internacionais, aliado a atuação interdisciplinar e a experiência que tem como base os anos de qualificação.

A Dra. Patrícia Patury oferece tratamento e acompanhamento completo, seja na prevenção, no diagnóstico ou no tratamento de doenças benignas ou malignas no corpo e colo do útero, vulva, vagina, trompas e ovários.

A equipe realiza modernas cirurgias e utiliza os recursos tecnológicos mais avançados, oferecendo ainda mais segurança e confiabilidade.

Especialidades da Equipe Cirúrgica:

A função de cada profissional é de extrema importância para o bom desempenho do ato cirúrgico.

O anestesiologista e o profissional médico que cuida não só de fazer o paciente dormir durante a cirurgia, de diminuir a sua dor, mas principalmente, de cuidar da segurança durante o procedimento cirúrgico, diz-se também que o anestesiologista é o medico clínico dentro do centro cirúrgico. A equipe da Dra. Patrícia Patury consta de dois anestesiologistas, que trabalham em parceria em todas as cirurgias.

O clínico é o profissional que cuida do pré-operatório, realizando um exame clínico detalhado, assim como verificando os exames de laboratório e de imagem previamente realizados, nesta avaliação pré operatória o clínico, com sua habilidade técnica, autoriza ou não a equipe cirúrgica a realizar a cirurgia, esta avaliação se chama – risco cirúrgico.

Em alguns casos, o clínico solicita exames complementares e após uma nova avaliação clínica de risco cirúrgico é efetuado.

A avaliação pós operatória também é fundamental. A primeira visita médica no hospital, após a cirurgia, é realizada pelo clínico, que tem treinamento efetivo também em medicina intensiva (cuidados em unidade de tratamento intensivo, UTI ou CTI) após a visita médica clínica, o acompanhamento é feito conjuntamente pela equipe clínica e cirúrgica.

Os cirurgiões oncológicos são profissionais qualificados em oncologia cirúrgica, ou seja cirurgias realizadas por tumores malignos ou benignos. A equipe cirúrgica e composta pelo anestesiologista, três cirurgiões e uma instrumentadora cirúrgica. Todo cirurgião necessita de auxilio cirúrgico para realizar o procedimento. Nas cirurgias de grande porte são necessários dois auxílios cirúrgicos em campo operatório, a Dra. Patrícia Patury é a cirurgiã responsável e todos trabalham em plena parceria e profissionalismo.

A instrumentadora é a profissional que organiza todos os materiais e equipamentos necessários para a realização das cirurgias. Cada cirurgia tem um instrumental cirúrgico específico, dependendo do caso de cada paciente. A instrumentadora é responsavel pela verificação do funcionamento de todos os materiais, assim como da esterilização adequada dos mesmos, ela também confere qualitativa e quantitativamente os instrumentos cirúrgicos, antes e após o termino das cirurgias. Durante a cirurgia, é a profissional que entrega os materiais cirúrgicos aos cirurgiões. A experiência e qualificação dessa profissional está diretamente relacionada a um melhor resultado.

O patologista é o profissional por trás do diagnóstico do câncer. Ele tem entre suas atribuições definir se o tumor é  benigno ou maligno, e qual seu estágio. Durante as cirurgias, outra importante função do patologista é a de realizar diagnósticos rápidos e que permitam aos cirurgiões a tomada de uma decisão; este procedimento é conhecido como biópsia de congelação. Em uma segunda etapa, quando o câncer é retirado, o especialista recebe uma peça cirúrgica e faz uma análise macro e microscópica deste material, para emitir o laudo que vai nortear o tratamento e o acompanhamento de cada caso. O patologista descreve os aspectos necessários para o conhecimento do médico que irá acompanhar e tratar a paciente, e informa se a lesão foi retirada por inteiro ou não. Tais informações definem, por exemplo, se aquele paciente precisa de quimioterapia ou radioterapia, se o câncer é mais ou menos agressivo, as chances de cura e de sobrevida.

Equipe

A importância do especialista está em compor uma equipe multi e interdisciplinar que conduzirá da melhor forma possível a investigação diagnóstica de uma paciente, o seu tratamento e acompanhamento.

Além da equipe cirúrgica (anestesiologista, clínico, cirurgiões oncológicos, instrumentadora e patologista), a equipe interdisciplinar consta com a parceria de psicólogos e nutricionistas, ambos especializados em oncologia. Assim como fisioterapeutas especializados para casos selecionados.

Também fazem parte da equipe de cuidadores, os médicos radioterapeutas e oncologistas clínicos.

O objetivo do cuidado interdisciplinar é o conforto, a segurança e o melhor resultado para as pacientes.